Vaias e semblante de descontentamento precederam tapa de Smith em Chris

O momento mais comentado da cerimônia do Oscar teve pormenores não notados

Transmissão oficial do Oscar, 28 de Março de 2022. Foto: Reprodução

Seria mais uma cerimônia do Oscar, como ocorre todos os anos. A festa mais glamurosa do cinema mundial queria inovar, atraindo público mais jovem. Chris Rock foi escalado para algumas piadinhas, mas acabou passando do ponto ao zombar da condição de saúde de Jada, esposa de Will Smith, que sofre de alopecia, doença autoimune que causa queda de cabelo. Chris disse que estava ansioso para ver Jada em GI Jane 2. GI Jane, chamado no Brasil de “Até o Limite da Honra”, é um filme protagonizado por Demi Moore, que o interpreta sem cabelos.

Logo após esta fala, as risadas de Jada se convertem em sinal de desconforto. Jada revira os olhos, conforme mostram as lentes da academia. Os sons de aplausos e risadas, esperados ao fim de uma piada, convertem-se em um aglomerado sonoro de onde é possível identificar vaias. Chris tenta resgatar o clima: levanta os braços, em uma expressão de “que foi?”, e exala um “isso foi legal, ok?”, auto afirmando a comicidade de sua observação.

A transmissão oculta o que provavelmente ocorreu entre Will e sua esposa: ainda rindo em frequência suficiente para balançar os ombros e sem olhar para Jada, é depois disso, quando a câmera volta para Chris, que Will deve ter reparado o desconforto de sua companheira.

Transmissão oficial do Oscar, 28 de Março de 2022. Foto: Reprodução

Ao perceber que Will se levanta, Chris interpreta o ato como brincadeira. “Will Smith acabou comigo”, aponta, após o tapa/soco que ficou gravado pela percussão no microfone, ainda sem entender a dimensão da cena histórica. O semblante de Smith, ao voltar para sua cadeira, remete a um possível arrependimento por ter gargalhado de uma piada que tanto maltratou sua cônjuge.

“Deixe o nome de minha mulher fora da porra da sua boca!”, diz por duas vezes, agora com olhar de fúria e indignação. O segundo grito ecoa no silêncio de uma sala estupefata. Toda a plateia de celebridades entende a seriedade do atrito. O silêncio vem forte aos ouvidos, enquanto Chris ensaia uma risada sem graça e um “tudo bem”, olhando para as laterais, tentando se apegar ao staff. Está consumado o clima tenso que se estenderia por toda a premiação. 8 segundos de público absolutamente calado são rompidos com risadas tímidas. Para continuar, um suspiro do comediante, seguido de um ‘ok’.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

%d blogueiros gostam disto: