Ministros queriam condenação de Silveira pelos três crimes apontados pelo MPF, mas preferiram seguir Moraes

O relator poupou o deputado bolsonarista do delito de incitação à animosidade entre forças armadas e sociedade civil